APÓS CONSEGUIR MAIS DE MIL ASSINATURAS EM ABAIXO-ASSINADO, PREFEITURA DE FÁTIMA FAZ GESTÃO JUNTO AO BANCO DO BRASIL PARA RETORNO DE TODOS OS SERVIÇOS

A limitação de serviços no Banco atinge além de Fátima as cidades de Oliveira de Fátima, Santa Rita e Rosalândia que também dependem do serviço

 

O prefeito Washington Vasconcelos entregou nesta terça-feira, 17, ofício da Prefeitura de Fátima ao superintendente do Banco do Brasil, Célio Chagas Cintra, solicitando agilidade no retorno de todos os serviços bancários na agência de Fátima. O ofício foi anexado ao abaixo-assinado com mais de mil adesões reivindicando o atendimento normal da instituição bancária na cidade.

No documento, o prefeito argumenta que a ausência dos serviços bancários prejudica diretamente a economia local por obrigar os cidadãos a se deslocarem para Porto Nacional, distante cerca de 60 KM, ou Paraíso do Tocantins, de aproximadamente a mesma distância.  

“Sem os serviços bancários o dinheiro deixa de circular no Município, já que procedimentos simples, como saques, são impossibilitados. Além de Fátima, nossos vizinhos, Oliveira e Santa Rita também são atingidos com o problema”, afirma o prefeito municipal.

Agenda conjunta

Durante o encontro realizado na manhã desta terça, 17, na Prefeitura de Fátima, o superintendente do BB relatou a informação preliminar que a agência bancária será fechada no dia 20 de novembro.

Diante desta possibilidade, os prefeitos de Fátima, Washington Vasconcelos, de Oliveira de Fátima, Gesiel Orcelino, e de Santa Rita, Arthur Maia, agendaram reunião na superintendência do Banco, para a próxima segunda-feira, 23 de outubro, visando juntar esforços para resolver a questão.  

 

Fonte: Administração/Ascom

Compartilhar