Fátima conquista boa avaliação no PMAQ – AB e amplia valor de recurso a ser recebido pelas equipes de saúde básica

De pouco mais de R$ 2 mil mensais, Fátima passará a receber R$ 21.513,23

 

A Saúde de Fátima foi submetida a Avaliação Externa do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ - AB), em agosto de 2017, e está semana recebeu a nota, um resultado extremamente positivo para o Município. Com a avalição “Muito Bom” apresentada pelo PMAQ-AB por ter atingido melhora no padrão de qualidade no atendimento, o repasse de recursos do incentivo federal para Fátima foi elevado de R$ 2.700,00 para R$ 21.513,23 mensais.

“Conseguimos reativar uma das equipes de Saúde Básica que estava desativada e aumentar o valor a ser recebido, graças ao cuidado que tivemos com a prestação dos serviços de saúde”, explica o prefeito Washington Vasconcelos.

Fátima recebeu os avaliadores da coordenação local de Avaliação Externa do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ - AB), do Ministério da Saúde, em 30 de agosto. Os avaliadores foram selecionados pela Fundação Osvaldo Cruz - Fiocruz e Universidade Federal do Tocantins – UFT, que propuseram um conjunto de estratégias de qualificação, acompanhamento e avaliação do trabalho das equipes de saúde. 

O resultado da avaliação superou em muito as expectativas da então secretária de Saúde, na ocasião da avaliação, Ana Karolinie Cunha, que acreditava em um aumento em torno de R$ 8 mil por equipe. Na lista de certificação, publicado pelo Programa essa semana, Fátima ficou com R$ 10.556,61 por equipe. “Mostramos boas condições em praticamente todos os critérios, estrutura, medicamentos, identificação, entre outros”, afirmou Ana Karolinie, na ocasião, acrescentando que os avaliadores também fizeram entrevistas com a comunidade local.

 

 

Compartilhar